Data da ultima atualizaçao
Pulmonar - Pela sua Saúde Respiratória - Leitura 03/08/2012



Notícias

Pesquisa revela risco de usar Vick VapoRub em criança menor de 2 anos
Chest 2009; 135: 143-148.
Juan Carlos Abanses, Shinobu Arima, Bruce K. Rubin

Departamento / Equipe SPPT


Estudo publicado em janeiro deste ano no CHEST (renomada revista científica da área de medicina do tórax) mostra que o medicamento Vicks VapoRub pode ser mais um fator irritativo das vias aéreas (como são os produtos com odores fortes como perfumes), e que na faixa etária pediátrica o seu uso pode agravar o quadro respiratório pré-existente.

O medicamente aumentou a produção de muco de forma significativa (catarro), diminuiu o batimento ciliar (o principal mecanismo de “faxina” que existe no trato respiratório), irritou e inflamou a via aérea testada no estudo (traquéia de animais).

Estes efeitos são deletérios para qualquer faixa etária, mas especialmente na criança menor de 2 anos, onde qualquer inflamação e acúmulo de secreção pode determinar uma redução importante no calibre das vias aéreas (desde nariz até os brônquios), e dificultar ainda mais a respiração.

Com esta alteração aumenta-se a resistência das vias aéreas, o que determinará um incremento no trabalho respiratório (gasto energético para manter os ciclos respiratórios normais). De acordo com os autores, estes efeitos fisiológicos não devem alterar tanto a dinâmica respiratória em adultos, mas em lactentes estas alterações podem agravar o desconforto respiratório, que potencialmente pode causar uma insuficiência respiratória.
 

Voltar

© 2017 www.sppt.org.br - Este site é mantido pela Sociedade Paulista de Pneumologia e Tisiologia
O conteúdo publicado neste site possui caráter meramente informativo. as informações aqui publicadas não devem ser usadas para a execução de diagnósticos, procedimentos ou tratamentos sem prévia orientação médica.
Consulte sempre o seu pneumologista.

Itarget